pretérito imperfeito

Hoje olhando a chuva pela janela e ouvindo músicas que me fazem pensar em ti, imaginei dezenas de coisas que eu faria se a gente virasse uma noite juntos, aqui. Imaginei como você riria tímido das minhas bobagens e de como eu me sentiria no teu abraço forte. Imaginei o gosto do teu beijo e tua mão na minha cintura. Imaginei tua pegada forte e tua fala pouca.

Imaginei por onde a gente andaria e se tu ficaria tão cansado quanto outro dia. Imaginei se eu abriria os olhos e te veria do meu lado, se eu perguntaria da minha meia-calça rasgada, ou não. Imaginei se a cama seria a minha, e bem que poderia ser…

Hoje, olhando a chuva pela janela e pensando em tudo isso, eu quis te ligar e tentar conversar. Não liguei. Eu também sei esperar.

 

 

 

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s