doces dozes

Eu não quero que a minha vida seja sempre a mesma, mas eu quero poder acordar todas as manhãs e ter a certeza que tem alguém do meu lado. Que seja para ralhar por alguma bagunça, reclamar que não sei fazer café ou mentir que acordo linda. Eu não quero ser a mesma para sempre, mas quero poder ser sempre eu mesma, sem medo de magoar, incomodar ou afastar alguém.

Eu gosto de ser companhia para um chá, para um café, para um vinho. Assim como eu gosto de ser parceira numa roda de cerveja ou em doses de tequila.

Independente disso tudo, quero poder estar em paz. Comigo, com o mundo e com qualquer um. Não quero ser feliz para sempre, quero doses de felicidade. Pequenas, mas corriqueiras. Quero esses abraços onde a gente se perde e a certeza que o mundo é só um figurante nesses momentos. Quero dormir sem hora para acordar e ainda assim querer acordar logo, pra viver o que o dia oferece de melhor.

Eu sei, sou confusa, bastante complicada e até difícil de lidar e de conviver. Mas sei que não quero nada diferente de ninguém. Eu quero um mundo um pouco mais bonito, e que a beleza comece dentro das pessoas.

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s